MULHERES_DA_FLORESTA.jpg
mulheres.png
MULHERES_arte.png

Mulheres da Floresta - 72% Cacau

Coordenadas geográficas do local de colheita do cacau: 1° 37′ 39″ S | 48° 27′ 50″ O

Barcarena - Rio Arauaia - Pará - Amazônia – Brasil

Colhidas em Barcarena, às margens do rio Arauaia, no Pará, as amêndoas de cacau nativo desta floresta secundária, com bioma de várzea baixa, apresentam aroma sutil e prazeroso, com fermentação perfeita, que suaviza a adstringência e a acidez do cacau. Este chocolate é resultado da resiliência e integração com a natureza de um pequeno grupo de mulheres da floresta, que manejam com maestria uma área de mais de 200 hectares.

Poetisas em suas relações com a natureza, as mulheres homenageadas nesta barra de chocolate são Iolanda, Maria, Elda, Simone e Vitória. Habilidosas e fortes, elas fazem o manejo do cacau em uma área inundada, de difícil acesso, com solo argiloso. Entram na mata fechada de forma destemida, avançando  com destreza entre raízes e galhos, e surgem de volta carregando em suas pesadas cestas o cacau desta floresta nativa às margens do rio Arauaia.

Na sequência, o cacau é gentilmente selecionado - uma das atividades que compõem a rotina de mãe, trabalhadora e provedora da casa dessas resilientes mulheres que fazem parte da mesma família. Seus companheiros comercializam em Belém os produtos provenientes de uma floresta rica em biodiversidade: açaí, semente de murumuru, andiroba, pracaxi, entre outros. A seleção, a quebra, a fermentação, a secagem e o armazenamento deste cacau também dependem da sutileza das mulheres. 

O chocolatier César De Mendes destaca a digital do território como fundamental no processo de fermentação, em que a luz, a água, a vegetação, os microorganismos presentes naquela limitada região influenciam na qualidade das amêndoas. O sucesso do resultado também depende do fator humano: a energia de mulheres saudáveis e bem-humoradas, que levam uma vida em família, entre brincadeiras e risos. “A vida como um todo vai se entranhando em um processo ao mesmo tempo muito simples e complexo de transformação da semente em amêndoa. É a pura poesia da natureza feminina”, afirma ele.

 

O movimento do cacau pelas mãos dessas fortes trabalhadoras é traduzido em um chocolate de sabor intenso e doce, com aroma sutil e prazeroso.

IMPACTO SOCIAL E AMBIENTAL

Este produto impacta diretamente 50 pessoas e contribui para manter em pé 400 hectares de floresta. Da colheita à produção, buscamos ser responsáveis, solidários e socioeconomicamente justos.

 

OUTROS INGREDIENTES E FORNECEDORES *

- Açúcar Mascavo: fornecido pela COPAVI – Cooperativa de Produção Agropecuária Vitória, localizada em Paranacity, no noroeste do estado do Paraná. Fundada em 1993, a partir do assentamento Santa Maria, de apenas 236 hectares e 61 habitantes, a COPAVI é a experiência mais longeva na produção coletiva e solidária do Paraná.

* eventuais alterações no fornecedor podem acontecer devido à disponibilidade do produto.