capa_chocolatier.jpg
logo_cacau.png

O chocolatier

Chocolatier une-se aos povos tradicionais e cria autêntico chocolate amazônico

 

Conheça o chocolatier César De Mendes e saiba como surgiu a ideia de criar um negócio totalmente sustentável que contribui para a transformação da vida dos povos tradicionais da Amazônia

Maos Cesar.jpeg

Tradição, história, cultura dos povos da floresta e integridade socioambiental tornaram-se os ingredientes da receita que César De Mendes criou para conceber um incrível chocolate com terroir amazônico feito a partir do cacau nativo da região. E esse sabor intenso e marcante é ainda mais especial para o fundador da empresa, uma vez que o chocolate remete às suas origens e à sua memória afetiva. Saiba mais sobre a história desse chocolatier que fez da culinária uma arte e do cacau uma ferramenta de transformação social e ambiental.

Filho de mãe quilombola e pai ribeirinho, com ascendência judaica e marroquina, César De Mendes nasceu em Macapá, capital do estado do Amapá. Mudou-se com a família para Belém quando ainda criança e vem da capital paraense as suas primeiras lembranças com o chocolate. O chocolatier tem ainda viva em suas memórias imagens de sua avó e mãe fazendo suco de cacau e chocolate com o fruto que elas mesmas colhiam do pé. No entanto, a paixão pelo chocolate só se tornou de fato sua profissão anos mais tarde. César escolheu inicialmente a carreira acadêmica nas áreas de Química e Engenharia Química. Pesquisador e professor universitário, ele possui cinco especializações e dois mestrados em Química de Produtos Naturais e Tecnologia de Alimentos.

Ao longo de sua trajetória profissional, César atuou também como consultor de projetos e teve a oportunidade de conhecer diferentes culturas e realidades ao viajar por todo o país. Empreendedor nato, desenvolveu diversos projetos e iniciativas relacionados à cadeia produtiva do cacau antes de se mudar para Colônia Chicano, comunidade de ribeirinhos e quilombolas em Santa Bárbara do Pará, e fundar a fábrica de Chocolates De Mendes.

Intelectual e estudioso, dono de uma mente inquietante e ávida por conhecimento, César debruçou-se em pesquisas sobre o cacau e o chocolate, processos de produção, novas tecnologias, dentre diversos outros assuntos relacionados. Estudar, trocar e aprender é um mantra diário para César, que já leu mais de dez mil livros, mas não deixa de aplicar a teoria à prática, procurando sempre repensar, refletir e questionar seus conceitos, crenças e aprendizados, além de compartilhar seu conhecimento. Genuina e profundamente preocupado com a conservação e a preservação da natureza, da biodiversidade e da riqueza cultural e histórica dos povos tradicionais da Amazônia, foi, ao longo de anos de estudo, de convivência e de troca com as comunidades locais, transformando completamente seu olhar sobre a cadeia produtiva do cacau.

Morando na pequena cidade paraense, César não apenas se reconectou com as suas raízes, seus valores e essência, como também construiu e desenvolveu uma conexão forte e profunda com as comunidades locais. Em busca do cacau nativo, o chocolatier aventurou-se em diversas expedições pela Amazônia, conhecendo e vivenciando a realidade e o modo de vida de diversas populações tradicionais tais como indígenas, quilombolas, ribeirinhos, caboclos e agricultores familiares. Essas experiências, trocas e​ aprendizados marcaram e transformaram a vida de César, influenciando direta e substancialmente o modo de produção de sua fábrica: um modelo sustentável que respeita a natureza e as comunidades parceiras, no qual o cacau é uma potência da biodiversidade local. O resultado dessa receita tão especial é um chocolate premium que vincula o conhecimento do chocolatier com os saberes dos povos da floresta. Todas as barras são resultado dos valores das comunidades envolvidas na produção e referenciadas por territórios com biomas diversos que refletem no gosto todo especial dos produtos da De Mendes.

Sakaguchi_Cesar_foto.jpg
folha.png

Nessas parcerias, César estabeleceu com cada uma das pessoas com quem trabalha uma relação de interação, envolvimento, troca, aprendizado e conexão de muita profundidade e significado. Um vínculo de tamanha reciprocidade e respeito que sempre o emociona. Na teoria, é César “o professor” quem ensina e capacita seus parceiros para o fornecimento das matérias-primas de seus chocolates, mas na prática é ele quem aprende com as histórias, as raízes culturais, o conhecimento ancestral, a identidade, os valores, a essência e a sabedoria de cada um desses povos.

"É essa riqueza de cultura, de conhecimento ancestral e de história que as nossas barras carregam e querem contar. A De Mendes tem um anseio e um sentimento de urgência muito grandes de contribuir para a qualidade de vida das pessoas, para a preservação da cultura e identidade dos povos que vivem na Amazônia, assim como para manter a floresta em pé, crucial para o equílibrio climático do nosso planeta”, valores que César sempre transparece ao contar a sua história que se reflete no propósito da empresa que criou.

E esta é uma das razões para o chocolate fabricado pela De Mendes ser tão único e especial. Sua produção é totalmente artesanal e seu trabalho fundamenta-se na seleção de cacau nativo com excelência sensorial e no preparo do cacau fino através da capacitação dessas diferentes comunidades. Essas parcerias representam a verdadeira essência da Chocolates De Mendes e transparecem no sabor e na qualidade de todos os seus produtos.

A De Mendes reconhece o valor desses povos e territórios. A partir de seu profundo conhecimento e sua forte relação com a terra, essas comunidades selecionam as amêndoas de cacau e cupuaçu para atender o alto grau de excelência sensorial requerido pela produção da Fábrica. Todos são treinados pelo próprio César para atuar na colheita, na seleção, na quebra, na fermentação e na secagem das amêndoas. O chocolatier preocupa-se em compartilhar seu conhecimento, de modo que o mesmo seja retido na origem da cadeia produtiva e aperfeiçoado pelos próprios povos locais.

De sorriso fácil e contagiante, César tem sempre uma história para contar ou algum aprendizado para compartilhar. Seu bom-humor, sua simpatia, leveza e simplicidade com que enxerga a vida aliados à sua seriedade, dedicação, ao seu comprometimento e profissionalismo tornam-o essa pessoa tão rara, marcante e encantadora.

Com seu olhar atento, presente e curioso, sua fala sincera, transparente e amigável, seu jeito humilde, carismático e cativante, César transita por essas diferentes realidades, culturas e povos de uma maneira singular e diferenciada. É respeitado e aceito, tido muitas vezes como parte da família e certamente como um amigo por onde quer que​ passe, pois carrega consigo e transmite, além de conhecimento e sabedoria de vida, docilidade, sensibilidade e pureza em suas intenções e interações. Afinal de contas, por onde passa, quer conhecer, quer trocar, quer ensinar e também aprender, quer cuidar, quer transformar e melhorar, mas com a profunda compreensão da importância do conservar e do preservar.

Experimente o sabor de um chocolate que tem história, cultura e sustentabilidade como seus principais ingredientes. Clique aqui e acesse nossa Loja Virtual com sabores únicos da Amazônia.

Comunidades_de mendes7.jpg