fundo.jpg
logo_cacau.png

BARRA

Kunkuni cupulate

Lenir trevisan

PESSOA REPRESENTANTE

COMUNIDADE/LOCALIZAÇÃO

Colônia chicano - Santa Bárbara - Pará

"O sistema agroflorestal nos garante soberania alimentar. organizamos a nossa própria alimentação".

DeMendes_Ziantoni2021_Portfolio (47)_edited.jpg
fundo.jpg

VÍNCULO COM A TERRA

ICON4.png
FUNDO_kunkuni.jpg

"Quando vim para Colônia Chicano me foquei nas práticas de solidariedade, que me chamaram muito a atenção, e comecei a estudar os fatores que fazem com que as pessoas ajudem tanto umas às outras. Acabei ficando na região e compramos um sítio que já tinha uns pés de cupuaçu. Dei uma limpada neles, tirei as vassouras de bruxa, serrei os galhos que estavam mortos, dei um adubada com esterco de galinha e coloquei folhas mortas em cima. Deu uma aguada no verão e eles se salvaram. Agora estão produzindo e muito bem, se recuperaram e estão cheio de folhas. Lindos! Toda amêndoa daqui eu seco e vai pra fazer o cupulate, um produto daqui do sítio."

00:00 / 01:55
MULHERES_arte.png
FUNDO_kunkuni3.jpg

“O primeiro cupulate que o César fez foi depois de visitar a AMABELA, em Belterra. Ele olhou o trabalho das mulheres de lá, como elas faziam, reformulou a receita e o cupulate ficou uma delícia. O cupulate do cupuaçu daqui do sítio é muito bom também, porque o cupuaçu daqui tem um doce que você pode até mesmo comer o fruto. Ele tem menos acidez que os outros cupuaçus. Dá um cupulate maravilhoso, muito bom!.”

00:00 / 01:08
MULHERES_arte.png
fundo.jpg
ICON3.png

RELAÇÃO COM A DE MENDES

fundo.jpg
ICON1.png

CONTRIBUIÇÃO/TRANSFORMAÇÃO

FUNDO_kunkuni2.jpg

“Estamos tentando formar aqui em Santa Bárbara juntamente com outras comunidades um pólo de agrofloresta. Precisamos de pouca terra, fazemos uma roça pequena, mas com bastante intensidade de plantas. Estudamos o ciclo de vida das plantas, a sucessão, e também os extratos, de acordo com aquilo que temos mais interesse que seja plantado. É uma lavoura muito inteligente, de alto potencial produtivo e de alta empregabilidade. O cacau entra aí também. Lideranças de comunidades aparecem aqui para ver a experiência do chocolate e agora estão vindo pra ver a experiência da floresta e para se inspirar com o nosso trabalho.”

00:00 / 02:23
MULHERES_arte.png
FUNDO_kunkuni.jpg

“A ameaça da monocultura. As pessoas ainda derrubam pra fazer roça de cacau. Se elas derrubassem e fizessem agrofloresta, não seria ameaça, seria rico, mas elas derrubam para plantar cacau, somente cacau, e ainda clonal, o que é um problema. Esse cacau vai durar 8 anos e logo tem que regenerar tudo, enquanto um cacau plantado de muda, de semente, dura muitos e muitos anos. Prega-se o conceito da lucratividade e não se discute muito a questão ambiental. Temos que intensificar esse debate.”

00:00 / 00:45
MULHERES_arte.png
fundo.jpg
ICON6.png

PREOCUPAÇÃO/AMEAÇA

fundo.jpg
ICON2.png

Sonho/Futuro

FUNDO_kunkuni2.jpg

“Eu estou vivendo o meu sonho agora e já estou ajudando pra que esse sonho seja o sonho de outras pessoas também. Estou coordenando um curso de agrofloresta. E queria muito verticalizar a produção. Digo que o cacau é uma planta bastante generosa e bastante justa, porque, mesmo no sistema convencional mesmo, muitas famílias podem viver do cacau. É um mercado um tanto justo porque gera renda para um monte de pessoas. E outra coisa, é uma árvore que necessita de sombreamento, que requer um reflorestamento da terra. Quanto mais árvores, melhor.”

00:00 / 02:05
MULHERES_arte.png